15/05/2024 09:44 | Segurança

SSP atua para auxiliar em resgate de trabalhadores alagoanos no ES

Caso ganhou repercussão após grupo denunciar pelas redes sociais condições precárias no local


Grupo de trabalhadores resgatados em fazenda do Espírito Santo

Cortesia


Ascom SSP

A Secretaria da Segurança Pública de Alagoas e o Gabinete Militar da Assembleia Legislativa do estado realizaram, nesta terça-feira (14), tratativas junto à Polícia Militar do Espírito Santo para realizar o resgate de um grupo de trabalhadores alagoanos que denunciaram pelas redes sociais condições análogas ao trabalho escravo.

 

No vídeo, o grupo afirma que as 12 pessoas são naturais da cidade de Penedo e foram contratadas para trabalhar na colheita de café em uma fazenda no estado. Porém, ao chegarem ao local, constataram que a proposta era falsa e agora eles estavam sendo ameaçados pelo proprietário da fazenda e mantidos em cárcere privado.

 



Diante da repercussão do vídeo, a Assembleia Legislativa de Alagoas solicitou apoio das forças de segurança do Estado para encontrar formas de localizar estes alagoanos e promover a libertação deles.

 

Após contato com a PM do Espírito Santo, os militares capixabas foram até a fazenda e conduziram o grupo para a Delegacia Regional do município de Venda Nova do Imigrante para que os devidos procedimentos fossem adotados.

 

O caso também está sendo acompanhado pela Secretaria Nacional do Trabalho em Alagoas e pela Polícia Federal.