16/05/2024 09:06 | Agricultura

Secretários da região Nordeste defendem pactuação de estratégias regionais para agricultura familiar

Reunião da Câmara Temática da Agricultura Familiar foi realizada nessa quarta-feira (15), em Maceió


Secretária de Agricultura e Pecuária de Alagoas, Aline Rodrigues deu início aos debates na 27ª reunião da câmara temática

Fotos: Tatiane Bastos e Thayana Araújo / Ascom Seagri


Tatiane Bastos / Ascom Seagri

Os secretários de Agricultura nordestinos estiveram reunidos nessa quarta-feira (15), em Maceió, durante a 27ª Reunião da Câmara Temática da Agricultura Familiar (CTAF), órgão consultivo criado em 2021, ligado ao Consórcio Nordeste. Os representantes dos estados defendem a potencialização das políticas públicas e ações que os governos estaduais e federal realizam voltadas para produção e comercialização da agricultura familiar da região. 


Com o fortalecimento da CTAF, o Nordeste tem avançado na agroindustrialização e na inclusão produtiva. Durante a reunião, também foi debatido a necessidade de mecanização da agricultura familiar, produção de alimentos saudáveis, circuito de feiras e a ampliação de tecnologias sociais, a exemplo das cisternas.


“A agricultura familiar é um dos pilares do nosso país. É um momento importante para o estado de Alagoas e estivemos reunidos com todos os estados nordestinos para tratar de uma temática importante de fortalecimento, valorização e fomento dos agricultores familiares, para que aquilo produzido no campo possa chegar às mesas das famílias brasileiras”, ressaltou a secretária de Agricultura e Pecuária de Alagoas, Aline Rodrigues, que abriu a 27ª reunião da câmara temática.




O coordenador da CTAF, Alexandre Lima, acredita que é preciso intensificar o processo de integração do coletivo regional e também dos coletivos estaduais.


“Esse é o principal instrumento de integração das políticas públicas dos estados do Nordeste para o desenvolvimento sustentável da região. Parabenizo o Governo de Alagoas, em nome do governador Paulo Dantas, que tem determinado o esforço de participação conjunta na criação de uma nova governança para a agricultura familiar”, destacou Alexandre Lima, que é secretário de Agricultura do Rio Grande do Norte.


A retomada do programa de cisternas de 1ª e 2ª água do Governo Federal, um investimento de mais de R$ 300 milhões na região Nordeste, também foi um dos temas da reunião. A discussão contou com a participação dos representantes do Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS) e ASA Brasil - Articulação Semiárido Brasileiro, que tem redes estaduais de atuação em dez estados que compõe o semiárido brasileiro, entre eles Alagoas, Minas Gerais, Bahia, Sergipe Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí e Maranhão.




Na oportunidade, foi apresentada proposta do Programa de Alimentos Saudáveis do Nordeste (PAS/NE); discutida a representação da CTAF no Conselho Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável - CONDRAF, órgão colegiado que integra a estrutura básica do Ministério do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (MDA); e discussão sobre ATER e territórios de ação do Projeto Dom Helder Câmara.


Estiveram presentes os secretários executivos da Seagri/AL, Ronaldo Targino (Agricultura Familiar), Aline Melo (Políticas Agropecuárias), os secretários de Agricultura Bira do Pindaré (MA) e Osni Cardoso (BA), representantes das secretarias do Piauí, Sergipe, Paraíba e Pernambuco, representantes do Ministério do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (MDA), diretor-presidente da Emater Alagoas, Moisés Leandro; além dos consultores do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA).