10/05/2022 15:44 | Desenvolvimento Econômico

Parceria com prefeituras: Desenvolve facilitará crédito à população sertaneja

Delmiro Gouveia foi o primeiro município a firmar parceria com a Agência

Termo de parceria foi assinado pelo presidente da Desenvolve, Humberto Lira, e pela prefeita Ziane Costa, nesta terça-feira (10)

Fernanda Bulhões


Eliete Amâncio

Na manhã desta terça-feira, 10, foi formalizada a primeira de muitas parcerias que a Agência de Fomento de Alagoas (Desenvolve) pretende realizar com as Prefeituras dos municípios alagoanos. O objetivo é aproximar o cidadão do interior do Estado do crédito desburocratizado e acessível que a agência oferece.

O município contemplado pela formalização de hoje foi Delmiro Gouveia, e na ocasião, o termo de parceria foi assinado, conjuntamente, pelo presidente da Desenvolve, Humberto Lira, e pela prefeita Ziane Costa. A Prefeitura cederá um espaço na cidade, os equipamentos necessários e os funcionários, que serão capacitados pela Desenvolve para o atendimento dos delmirenses.

De acordo com Humberto Lira, o local para receber os possíveis tomadores do crédito deverá entrar em pleno funcionamento já no próximo mês, levando aos empreendedores locais a possibilidade de ter acesso às linhas de crédito da agência sem ter que precisar se deslocar até Maceió, onde está localizada a sede da Desenvolve.

“A gestão de Delmiro Gouveia respira empreendedorismo. Isso nos estimulou a querer formalizar essa parceria, estabelecendo lá um posto avançado para resolver os problemas de crédito com eficiência e celeridade. Desta forma, a Prefeitura passa a ser um braço da Desenvolve na cidade”, afirmou o presidente.

Para a prefeita Ziane Costa, o termo de cooperação técnica favorece que o município mantenha agentes de crédito credenciados e habilitados para atuar na intermediação de propostas crédito.

A diretoria da agência pretende levar esse formato de aproximação entre o crédito e os alagoanos para o máximo de municípios possível, tornando, de fato, o recurso do Estado acessível, inclusive, geograficamente, já que a distância de algumas localidades para a capital dificulta a procura do crédito por milhares de pequenos empreendedores do interior.