10/05/2022 10:51 | Educação

Estudantes da rede estadual participam da edição 2022 da Olimpíada de Astronomia e Mostra de Foguetes

Escolas que ainda não efetivaram sua inscrição terão até hoje (10) para garantir participação

No início deste mês, 52 alunos do Ensino Médio, participaram de lançamentos de foguetes no Aeroclube de Maceió

Cortesia


Manuella Nobre e Ana Paula Lins / Ascom Seduc

Somando excelentes resultados a cada edição, os estudantes da rede pública estadual de Alagoas já iniciaram os lançamentos oficiais da edição 2022 da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) e Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG). As escolas que ainda não garantiram sua participação podem aproveitar a prorrogação do prazo de inscrições até esta terça-feira (10), de forma on-line, na plataforma http://app.oba.org.br, pelo professor responsável pela OBA/MOBFOG nas unidades de ensino.

 

A rede estadual de ensino contabilizou 110 medalhas nas edições 2021 da OBA e MOBFOG. Em comparação ao desempenho de 2020, foram 29 medalhas a mais. Ao todo, Alagoas somou 420 medalhas em ambas as competições, as quais foram conquistadas por escolas municipais, estaduais, federais e particulares.



 

Para o secretário de Estado da Educação, José Márcio de Oliveira, oportunidades como a OBA são essenciais para os alunos da rede pública. “Ações como essas fazem com que nossos estudantes desenvolvam novas habilidades e adquiram novos conhecimentos. Os alagoanos vêm se destacando a cada ano nessas olimpíadas e este ano não será diferente. Nossos alunos e professores estão muito empenhados e certamente teremos muitas medalhas em mais essa edição”, prevê.

 

Lançamentos

 

No início deste mês, o professor de Física da Escola Estadual Princesa Izabel, Joselito Nogueira, levou 18 grupos, um total de 52 alunos do Ensino Médio, ao Aeroclube de Maceió, para os lançamentos, já oficiais.

 

“Ano passado não tivemos participação da escola nos lançamentos. Essa experiência foi a primeira para a maioria deles. Minha avaliação é que foram resultados bons, com possibilidades de concorrer a medalhas. Eventos como esses são especiais na vida dos alunos, que vivenciam realmente um momento de protagonismo, de construção, de descoberta do conhecimento. Foi possível observar no semblante deles aquela motivação pelo conhecimento”, avalia o professor, informando que dispõe de duas horas de aula, às terças à tarde, para trabalhar conteúdos de Astronomia e também de Astronáutica.



 

A OBA e a MOBFOG são promovidas pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB), em parceria com a Agência Espacial Brasileira (AEB), e visam estimular o interesse pela astronomia, astronáutica e ciências afins entre alunos do Ensino Fundamental e Médio de todo o país. Em Alagoas, ambas contam com o apoio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), secretarias municipais de Educação (Semeds), Instituto Federal de Alagoas (Ifal) e rede privada de ensino.