14/02/2022 14:41 | Saúde

Em menos de um mês, Centrais de Triagem para Síndromes Gripais realizam mais de 15 mil atendimentos

Olival Santos


Suely Melo

Desde que foram inauguradas, as Centrais de Triagem para Síndromes Gripais já atenderam 15.595 pacientes com suspeita de ter contraído o vírus da Covid-19. Deste total, 13.349 fizeram o teste rápido para detecção do novo coronavírus, sendo que 6.129 positivaram e 7.220 testaram negativo.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, as Centrais de Triagem foram criadas devido ao aumento dos casos de pacientes com síndromes gripais que estavam sobrecarregando as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs). Até o momento, o Estado conta com três unidades, localizadas nas UPAs dos bairros Jaraguá, Cidade Universitária e Tabuleiro do Martins. Em breve, será inaugurada mais uma central em Maceió, no bairro Jacintinho.

“Essas Centrais de Triagem são muito importantes porque elas recebem todos os casos de pacientes com sintomas de síndromes gripais que iriam superlotar as UPAs. Elas ficam localizadas nos estacionamentos das unidades e estão separadas dos outros atendimentos, evitando que as pessoas que estejam suspeitando que estão com a Covid-19 não infectem outros pacientes”, disse Ayres.

A Central de Triagem da UPA Jaraguá, que foi inaugurada dia 20 de janeiro deste ano, já atendeu 11.510 pacientes que deram entrada com sintomas de gripe. Na unidade foram realizados 9.436 testes rápidos para detecção da Covid-19. Deste total, 5.002 pacientes testaram positivo para o novo coronavírus e 4.434 negativo.

Já a Central de Triagem da UPA Cidade Universitária, que foi aberta no dia 31 de janeiro deste ano, recebeu 1.411 pessoas com sintomas de gripe. Destas, 1.235 realizaram o teste rápido para saber se tinham contraído o vírus da Covid-19. Após os exames, 426 estavam infectadas e 809 testaram negativo.

A Central de Triagem da UPA Tabuleiro do Martins, inaugurada também no dia 31 de janeiro deste ano, atendeu 2.674 pacientes desde a sua abertura. Lá foram realizados 2.678 testes para detecção do novo coronavírus. Do total, 701 pessoas testaram positivo para a doença e 1.977 negativo.